Colégio Objetivo de Americana utiliza games no ensino de seus alunos

objetivoamericana

Apesar do nosso sistema de ensino ser ultrapassado, a gamificação da educação é inevitável e temos bravos professores que estão atentos a isto (ainda bem), buscando novas formas de engajar seus alunos. É o caso da Professora Marili Bassini que leciona no Colégio Objetivo de Americana, SP.

Marili Bassini
Marili Bassini

Ela, que também é gamer, propôs à seus alunos do segundo ano do ensino fundamental que escolhessem um game com um tema histórico, pesquisassem a respeito do contexto deste game e produzissem um vídeo curto para apresentar ao restante da turma.

Claro que os alunos se empolgaram, estudaram e pesquisaram muito e – o mais importante – apreenderam sobre aquele momento histórico específico com uma experiência associada. Eles jamais irão esquecer este pequeno pedaço histórico que destrincharam em grupo com 100% de foco.

Mariza Stucchi
Mariza Stucchi

Mas nada disso seria possível sem o apoio total do Colégio Objetivo, sob a coordenação da Mariza Stucchi, que abraçou sem nenhum preconceito a ideia e deu espaço para a inovação acontecer.

O resultado foi o que conferimos no dia da apresentação: um engajamento total de todos os alunos no que estava sendo apresentado. Isto só reforça que os games não afetam o comportamento dos jovens negativamente, ao contrário, podemos nos utilizar destes games para engajar e estabelecer uma comunicação muito mais próxima e de confiança com estes jovens.

Confira o bate papo que fizemos com a Prof. Marili e seus alunos e compartilhe! Queremos ver muito mais iniciativas como esta por aí!

 

Ah! Ficou curioso para ver o resultado dos trabalhos do pessoal? Dá só uma olhada em alguns deles: