Empresas já estão se utilizando da gamificação na gestão de pessoas

O Jornal da Globo exibiu ontem (16/12) à noite uma matéria que deu um bom panorama sobre o que está acontecendo neste momento na gestão das empresas e também na educação em relação à gamificaçãoAlexandre Olivieri falou um pouco sobre esta mudança e o que as empresas podem fazer para acompanhar a nova geração daqui pra frente:

Elas esperam, muitas vezes, seis meses, um ano pra dar um retorno sobre como foi a performance delas nesse ciclo. Já não é mais o que os jovens esperam. Eles esperam retorno imediato e muito claro de quais são os objetivos na empresa.

Já vimos aqui como a geração Y está se comportando, quais as suas motivações e o que elas esperam da gestão dentro de uma empresa. E Alexandre Perugini da Opus e que faz parte desta geração deixa claro: “O que eu posso fazer hoje, que possa ganhar alguns pontos? O que eu posso trabalhar mais para evoluir dentro desse joguinho, que acaba virando uma brincadeira, mas que tem um objetivo de desenvolver algo que tem valor para empresa?”

Francisco Barguil também comentou sobre como o Wannadoo está ajudando a gestão da Opus na motivação de seus funcionários:

As pessoas, de maneira geral, quando elas têm o seu desempenho medido, de alguma maneira, mesmo que de uma maneira lúdica e divertida, elas tendem a querer corresponder à expectativa. Elas olham do lado para ver como os outros vão indo e se sentem motivadas a caminhar mais.

O que a matéria mostra é só o começo de uma avalanche que já começou lá fora. O bacana é que desta vez, não estamos atrasados em relação ao resto do mundo na implantação desta tecnologia, a inovação está acontecendo aqui no Brasil, quase que simultaneamente com os maiores mercados do mundo.

E, como sempre, quem não enxerga a avalanche a tempo fica soterrado pelo meio do caminho… =)